11 fevereiro 2006

Cachorra de Madame x Vira Lata

Galera,
Imagine uma cachorrinha de uma madame , o quanto ela é bem tratada, suas alimentações que gastam rios de dinheiro, shampoo, hoteis para cachorros, passeios matinais, babás, etc.
Na ausência da madame a sua babá lhe dar um pecaço de carne que sobrou do almoço e, do nada a cachorrinha sente uma enorme dor de barriga, então a babá desesperada liga para um especialista, vem o veterinário fazer uma consulta residencial, indicar remédios, dar injeções, e muito mais. Isso se o veterinário não quiser fazer um raio X, ultrasom e recomendar que a mesma fique de repouso em seu hotel particular, deixando a Babá mais preocupada ainda.
Podem pensar, nossa que exagero! Mas não é. Isso é rotina na vida de uma cachorra de madame.
Pense o quanto essa cachorrinha gastou nessa simples dor de barriga, sem contar o cansaço, dor de cabeça e preocupação causada a pobre coitada da babá que fica morrendo de medo de perder o seu emprego por causa da cachorrinha xique (bonita).

Agora vamos a cadelinha vira-lata. A bichinha brinca, corre, anda de casa em casa comendo sobras, brinca com as pessoas na rua, é carinhosa com seus amigos, etc.
Devido a algo que ela come nas ruas a coitadinha passa a sentir dor de barriga também. Mas peraí, ela não tem um dono!!!
Não tem problema, pois todos gostam dela, um dar comida daqui, outro dar carinho dali, sem contar que a própria cachorrinha sabe se virar, ela mesmo sabe que é só comer um matinho, dar uma descansada, e pronto. Está novinha em folha, correndo novamente de lá pra cá e daqui pra lá abanando seu rabinho.

É mais ou menos assim que vejo o Windows x Linux. O Windows é a cachorrinha da madame, no qual estamos trabalhando, e do nada para, aí temos que chamar um especialista para fazer os diagnósticos, aplicar injeções, anti-virus, etc. Isso se ele não quiser leva embora para fazer testes em casa e deixar a coitada de nossa máquina de repouso. Aí já sabe né, o tanto de dinheiro que você gastou com o especialista, sem contar a dor de cabeça causado ao dono e ao próprio técnico que não consegue resolver.

Já o Linux é a cadelinha vira-lata, onde todos gostam e todos ajudam a manter, uns alimentam daqui e outros dali, mas não tem um dono específico, e só dá umas mechidinhas básicas que o danado volta a funcionar, lindo, rápido e funcional como sempre. Sem maiores transtornos.

Pense nisso....

2 comentários:

Márcio Vinícius Pinheiro 8:57 PM  

Não tem nada a ver com o artigo, mas foi o único jeito que arrumei de contactá-lo a respeito do que você havia me perguntado (via comentário) sobre layout no meu blog. A resposta está lá (via comentário) se vocÊ já não foi lá verificar.

Magnus 1:38 AM  

Que bela analogia.

Postar um comentário

Deixe seu comentário, fique a vontade
Comentários anônimos serão apagados
Divulgue esse blog, assine nosso feed

About This Blog

Ultimos Artigos

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP