18 novembro 2008

Linux, uma história, uma paixão

Uma das coisas que gosto em minha vida é de desafios. Sempre curti o mais difícil.

Lembro-me que na época do Windows 3.1 eu usava o DOS. Eu adorava usar o DOS. Tentava todos os comandos possíveis, como cd, dir, rmdir, deltree, copy, atrib, etc. Eu sempre tentava inventar seqüencias de comandos ou mesmo agrupar um comando no outro para ver no que dava.

Ainda nessa época eu tentava fazer as mais diversas telinhas de menu usando o Edit com seus echo's e suas combinações de ALT+219, ALT+218, entre outras. Montava um monte de menus para programinhas que era só digitar seu nome, mas o que importava era fazer o menu, montar o layout, fazer a programação.

Depois de muito tempo eu descobri o Linux. Quando descobri essa maravilha o que estava pegando no mercado era o Conectiva 6. Uma distribuição Linux brasileira, de fácil (fácil os cambau) uso, fácil instalação (umrum), fácil manuseio. Nessa época você tinha de fazer tudo manualmente, desde o particionamento do disco a escolha dos drivers de vídeo, teclado, mouse, som, etc. Tudo tinha que ser escolhido minuciosamente durante a instalação.

Resultado: desisti.

Não consegui instalar de forma nenhuma essa birosca. Fiquei dias, noites, meses tentando configurar um Linux para rodar em meu computador e não consegui. Veja que sou uma pessoa que gosta do difícil e do complicado e mesmo assim não consegui. Entrei em estado de choque e continuei a usar o meu Windows por mais um bom tempo.

Passado um ano e pouco (eu acho), voltei a tentativa do Linux. Eu não tinha me conformado por não conseguira realizar tal instalação na última tentativa. Fui correndo a uma Kalunga e comprei o CD do Conectiva 8 por R$99 reais, imaginando que agora estava tudo mais fácil, tudo mais visualmente clicável, tudo lindo. Engano meu.

Foi a mesma dificuldade; o mesmo tormento; a mesma desistência. Dessa vez não desisti pela frustação, mas porque o drive de cd enguliu meu CD com tanta fome que não o largou mais, tive que abrir o drive de cd com chave de fenda e tirar o CD de dentro.
Mas mesmo que não tivesse acontecido isso, provavelmente também teria desistido devido a dificuldade.

Depois de um tempo outra tentativa. Dessa vez com o Kurumin 6.
Nossa! foi uma maravilha. Fiquei tão feliz por consegui instalar e usar, consegui ver o X rodando e o ponteiro do mouse correndo para lá e para cá. Mas quando foram surgindo as necessidades, foram surgindo os desafios. Aí a coisa começou a ficar boa, pois foi então que aprendi a correr atrás de respostas, de tutoriais, de dicas. Comecei a experimentar várias distribuições, como Kalango, Conectiva, Fenix Linux, Slackware, Suse, Fedora, Red Hat entre outras.
Todas devidamente baixadas DE GRAÇA pela internet.

Hoje (há cerca de dois anos) sou feliz usuário de Ubuntu. Conheci essa distribuição na versão 4.10 e desde então a uso. Não a largo por nada, nada. Me apaixonei. A mesma me oferece tudo que preciso para realizar meu trabalho, meus estudos, minhas tarefas.

Para você que nunca mexeu com Linux e deseja iniciar seu uso, saiba que hoje você não terá mais sofrimento nenhum. Além das distribuições estarem muito estável, estão também muito visualmente clicável, praticamente um next, next, finish. Além de, claro, ter milhares de sites na internet com milhares de dicas de como instalar e usar beneficamente sua distribuição, independente de qual seja a sortuda escolhida por você.

Um forte abraço e não deixe de visitar meu blog:
http://monthiel.blogspot.com

12 comentários:

Aldo 3:32 PM  

Aconteceu a mesma coisa comigo, mas hoje sou um feliz usuario do linux e depoimentos assim que precisamos para mostra a grandeza do mundo livre do linux e suas maravilhas.
Parabens e viva o linux

Deus Abençoei

Espero uma visita hhtp://altosebaixos-aldo.blogspot.com

Kislley Rodrigues 3:51 PM  

Em outubro de 2002 conheci o Linux depois de ver uma revista numa banca. A distro em questão era o Slackware 8.1. Confesso que fiquei mais de um mês, juntamente com um amigo para conseguir instalar o sistema, depois de várias tentativas mal sucedidas. O tempo foi passando e nessa máquina, aconteceu um kernel panic e então abandonei o Linux. Depois de muito tempo, fui apresentado à sistemas como Mandrake e Debian(3.1 sarge). Depois usei Mandriva, Fedora e agora tô usando Ubuntu 8.10. Assim que conseguir trocar de laptop, quero instalar Debian Lenny e Fedora só pra ficar perto do RedHat. Hj em dia é muito fácil usar Linux. Depois de altos e baixos, acumulei um pouco de conhecimento(pouco, pq preciso de muito mais), e hj estou me preparando para obter sucesso na prova de certificação LPIC-Nível 1. VamooooooooooooosQvaaaaaaaamos.. Um grande abraço!

Thiago (Linux Menu) 12:31 AM  

Oi brother, blz? Gostaria de oferecer uma ajudinha do designer se caso precisar!
Adorei seu blog brow!
Um grande abraço!


Eu não sei se foi por sorte, mas eu quando conheci o Linux pela primeira Distribuição Slackware. Foi complicado para entender porquê o Slackware nunca foi intuitivo, Mas Em busca do óbvio consegui instalar numa boa, na época a internet banda larga ainda era coisa de rico.
Adorei o sistema, pela liberdade...só usava ele ao invés do Windows. Depois q meu computador pifou e estava ficando ultrapassado, eu deixei de mexer. Quando ganhei um computador novo, eu também não tinha parado para instalar novamente alguma distribuição Linux. Mas quando eu tive oportunidade a primeira q eu instalei foi Mandrake. E hoje eu venho testando distribuições como Fedora, Debian, OpenSUSE, Ubuntu, Kurumin, RedHat...

E não paro de me aprofundar no universo Linux. Tenho vários projetos eletrônicos relacionado ao Linux e se Deus quiser vai dá certo.

arlindofc 10:31 AM  

Caro mano blogueiro, como gosto de ler tudo sobre linux, tentei ler o seu blogue e não deu, este template branco com a letras claras, minha visão não aguenta, aqui vai uma dica. Coloto todo o seu texto em e as letras vao ficar melhor para ler. Abraços mano.

arlindofc 10:32 AM  

completando, em negrito parceiro

arlindofc 10:34 AM  

tô ficando chato né: mas aqui vai o meu blogue que também é branco. hahahahahaah
www.aFDCONCEICAO,BLOGSPOT.COM

Anônimo,  9:58 AM  

Na boa, você escreveu: "Uma das coisas que gosto em minha vida é de desafios" e utiliza Ubuntu? Se realmente gosta de desafios, experimente um debian, arch, gentoo, slackware. Você vai pirar...
Abraços...

Anônimo,  1:53 PM  

Oi cara, não planeja continuar postando?

Só guarda o domínio a troco de nada, além do que ele tem uma ótima posição em algumas pesquisas do google.

Continue postando!

CWS CRIAÇÃO DE SITES 9:47 AM  

http://esportes.terra.com.br/automobilismo/formula1/2011/noticias/0,,OI5311011-EI17068,00-Bruno+Senna+e+confirmado+como+piloto+titular+da+Lotus+Renault.html

Arth Informática 8:59 AM  

Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Informática Online. Lucas

Anônimo,  9:07 AM  

I must thank yοu for the efforts you've put in writing this site. I really hope to check out the same high-grade blog posts by you later on as well. In truth, your creative writing abilities has inspired me to get my own site now ;)
Here is my web page ... baby girls first Birthday party themes

Postar um comentário

Deixe seu comentário, fique a vontade
Comentários anônimos serão apagados
Divulgue esse blog, assine nosso feed

About This Blog

Ultimos Artigos

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP